quinta-feira, 4 de julho de 2019

A Meta e o Looqbox - um estudo com 24 mil vendedores

Que impacto o Looqbox pode ter no atingimento da meta de vendedores? Que métricas são importantes de se acompanhar? Como verificar o engajamento do time comercial?  

Há tempos eu procurava uma forma de estudar a correlação entre uso da informação e metas atingidas. Mas como medir de forma objetiva esse fenômeno? Considerando que no Looqbox cada pergunta feita é registrada no sistema, tive a ideia de cruzar o uso da ferramenta com a produtividade dos usuários. Ainda gosto de relembrar meus tempos de  de Data Scientist e foi bacana colocar a mão na massa ativamente nesse estudo, juntamente com o Data Scientist oficial do Looqbox, Matheus Tramontini.

Para viabilizar o estudo, em abril deste ano entrei em contato com a Via Varejo para saber se eles tinham interesse em fazê-lo conjuntamente, e fiquei contente em receber não só carta branca, como os dados necessários para prosseguir. A ideia foi a de quantificar a relação entre a meta alcançada pelos mais de 24 mil vendedores da Via e o uso do Looqbox. A Via Varejo gentilmente nos autorizou a divulgar alguns resultados.

Ao recebermos os dados do atingimento das metas pelos vendedores, separamos o material em meses, e cruzamos o percentual da meta atingida por cada vendedor com a quantidade de perguntas feitas. Para garantir que o resultado fosse preciso, selecionamos apenas os vendedores que trabalharam mais de 20 dias em cada mês. Antes de tentar montar qualquer correlação avançada, fizemos uma pergunta mais simples, que foi:

Qual a diferença de percentual de Meta atingida entre os Vendedores que usaram o Looqbox e os que não usaram?

Tirando a média de alguns meses, obtivemos 23pp de diferença entre quem usou e quem não usou o Looqbox, sendo aqueles que usaram os que têm o maior valor. O resultado nos animou bastante e nos fez prosseguir, à procura de mais detalhes.


Chamamos Gráfico de Mangueira o primeiro gráfico que compilamos, dada a sua aparência, abaixo:



% Meta Atingida vs Quantidade de Perguntas
Gráfico de Mangueira


Cada ponto é um grupo de vendedores. O eixo vertical representa o percentual médio da meta atingida por um dado grupo, e o eixo horizontal a quantidade de perguntas feitas pelo mesmo. O formato já é animador, mas fica muito espalhado para valores maiores que 20 perguntas. Resolvemos então compilar de outra forma, que acreditávamos fazer mais sentido.


Em vez de trabalhar a quantidade de perguntas no eixo horizontal, colocamos a quantidade de dias distintos perguntados no mês. Assim, tiramos o ruído de um vendedor que pode fazer muitas perguntas no início do mês, mas que pergunta apenas alguns dias. Nossa tese era a de que a constância em perguntar vários dias em um determinado mês, é mais importante que perguntar muito no início do mês e não perguntar depois. Segue o resultado da compilação para um determinado mês:

% Meta Atingida vs Dias Distintos Perguntados no Mês
[tamanho do ponto proporcional à quantidade de vendedores]


Ficamos impressionados com o resultado, que manteve a mesma coerência em todos os meses estudados, mostrando aderência extremamente forte (todas com R2 > 0.95) à curva que encontramos. Ficamos tão impressionados que refizemos o estudo em ferramentas distintas (Python e Mathematica), e chegamos aos mesmos resultados.

E para fechar nosso post, o que conseguimos esclarecer em nosso estudo foi:

 1- Acesso à informação de meta e batimento estão fortemente correlacionados

 2- O Looqbox pode ser uma ferramenta extremamente efetiva para medir o engajamento dos vendedores, ajudá-los no bom uso da informação e por consequência no batimento da meta.


A propósito, como está o seu time de venda? Engajado em suas metas? Vamos medir?

[Agradeço à Via Varejo pela colaboração, em especial ao Rodrigo Barros, pelo suporte e envio dos dados necessários]

Lançamento do Looqbox Express Varejo 🛒


Estamos animados em apresentar nosso novo modelo de trial do Looqbox por verticais, e fazer o lançamento do Varejo como primeira vertical a participar. Batizado de Looqbox Express Varejo, com ele possibilitamos uma degustação sem custo da nossa tecnologia, de forma super rápida e dinâmica.

Antes do formato Express, um projeto padrão de implementação do Looqbox tinha uma duração mínima de 2 meses, agora em apenas 1 semana é possível implementar o núcleo da nossa solução para dado segmento. Veja no video abaixo como funciona:
O que você ganha?

Um piloto do Looqbox de rápida implementação, já com os dados reais da sua empresa, para você saber como a nossa solução funciona, e como ela pode agilizar o seu dia a dia na tomada de decisões e na democratização de acesso aos seus dados.

Quantos custa?
Fique tranquilo. Não haverá custo durante o piloto de 30 (trinta) dias.

O que pode ser perguntado pelos usuários?
Serão disponibilizadas cerca de 40 (quarenta) respostas, que podem variar conforme o número de campos preenchidos nas tabelas modelo enviadas previamente ao Cliente (ver Anexo I). Essas respostas já estão pré parametrizadas no Looqbox e oferecem diversas possibilidades de visualizações do tema Venda, de loja à produto.

Como garantimos a confidencialidade dos seus dados?
Segurança e confidencialidade é super importante para nós. Caso necessário, firmamos um NDA para garantir o sigilo das informações compartilhadas.

O que acontecerá quando os 30 (trinta) dias do piloto terminarem?
Após os 30 (trinta) dias de uso, o Looqbox encerra o acesso do Cliente à ferramenta. Caso o Cliente decida seguir com o Looqbox, formalizamos um contrato e damos prosseguimento ao uso. Caso o Cliente deseje configurar mais visualizações, será elaborado um escopo de trabalho, com valor calculado com base nas horas necessárias para o desenvolvimento. Se optar por não continuar, a vida segue, e quem sabe em outra oportunidade não voltamos a trabalhar juntos? O piloto não gera nenhum custo ao Cliente ou obrigação de continuidade.

Ok, gostei da idéia! Como funciona para fazermos o teste?
Contato nosso time comercial, e será um prazer apresentar os detalhes de como proceder para fazer o teste.

Vamos dar um Looq no seu varejo?
Conte conosco ;)

segunda-feira, 15 de abril de 2019

Looqbox agora no Apple Watch ⌚️


Nunca a informação esteve mais à mão do que agora. Estamos animados com o lançamento oficial do Looqbox para o Apple Watch. Sempre pensando em simplificar a maneira como a informação é utilizada no dia a dia, nossa primeira versão wearable é focada em executivos que querem acompanhar facilmente indicadores da sua operação de uma forma rápida e direta. Eu venho testando nosso beta desde fevereiro deste ano, e como usuário posso dizer que a grande vantagem de ter o Looqbox no relógio é a praticidade.

Um dos desafios que tivemos foi o de adaptar a ferramenta à nova interface, dado que o modelo de resposta que usamos na web não se aplica bem à tela reduzida do relógio. A maneira que encontramos foi usar uma forma compacta de resposta. A ideia é acompanhar a essência do indicador, e se algo estiver divergente do esperado o usuário pode buscar mais detalhes usando o seu celular, tablet ou desktop.

Looqbox no Apple Watch


A interação pode ser feita por comando de voz ou pelo acesso direto aos seu favoritos. Veja no vídeo abaixo como funciona. Se você já é cliente Looqbox e gostaria de adotar o novo formato na sua empresa, é só entrar em contato com nosso suporte ao cliente, que mostramos ao seu time técnico como configurar o novo modelo de respostas simplificadas que usamos para interagir com o relógio.



Estamos curiosos para saber como nossos clientes vão usar a nova tecnologia e quais aplicações vão criar para suas operações. Se você encontrar algum uso diferente, não deixe de compartilhar o seu case conosco.



segunda-feira, 1 de abril de 2019

Looqbox entra no ramo de Self Storage em modelo AirBnB, usando sistema de Raio X com AI e tag localizador com neutrinos


Hoje o Looqbox dá mais um passo na sua linha de produtos e diversifica atividades, agora atuando também no ramo Self Storage usando tecnologias inimagináveis até então. Segundo Daniel Murta - CTO e co-founder da empresa - "estávamos sentindo falta de interagir de forma mais direta com o mundo físico e vimos nesse mercado uma grande oportunidade de negócio"

Como será? De início, aproveitamos para fazer jus ao nome da empresa. Afinal, quando você guarda suas coisas, o mais difícil é encontrá-la na hora que você precisa. Assim, o Looqbox ajuda você não só a encontrar seus dados, mas também seus objetos físicos. Para realizar essa façanha estamos misturando três grandes novidades.


 1- Modelo AirBnB de Self Storage
Seremos o 1º Self Storage do mundo que não tem espaço físico próprio. Isso mesmo, estamos mapeando as pessoas que têm espaço disponível e juntamos com pessoas que querem guardar seus itens para criar um Marketplace. Esse modelo barateará o custo de armazenagem e possibilitará o encurtamento das distâncias entre e guardante e o guardador. Nos simulados que fizemos no Looqbox, o preço de armazenagem será até 1/3 dos valores da concorrência, com uma distância média 10x menor. Você pode descobrir que seu vizinho tem um espaço ocioso no seu próprio prédio, o que é fantástico do ponto de vista da praticidade e da sustentabilidade.

2- LooqX - Inteligência artificial com raio X e classificação por Inteligência Artificial
Fizemos parceria com uma grande empresa do Vale do Silício, que não podemos revelar o nome ainda, para aprimorar o sistema de AI para nosso Raio X portátil. De forma não invasiva, a tecnologia LooqX lê e classifica os itens dentro de caixas de forma automática e, integrado com o Looqbox, deixa a busca de qualquer item extremamente simples de ser realizada. A precisão é tão grande, que até textos são lidos pela tecnologia LooqX. Imagine uma caixa cheia de cartas antigas, e você deseja encontrar alguma específica. Com o LooqX, não só a caixa é encontrada, como a localização da carta também. No momento ainda estamos com alguma dificuldade para interpretar Mandarim manuscrito, mas logo logo vamos vencer essa barreira.



3- LooqTag - Just Find - O Tag de Neutrinos
"Sempre quis construir um sistema de comunicação usando neutrinos, desde a adolescência"  afirma Rodrigo Murta - CEO e físico, que nunca imaginou que um dia pudesse pôr esse ideia em prática. Os neutrinos são partículas difíceis de serem detectadas, e que atravessam qualquer barreira sem dificuldade. A ideia inicial era criar um sistema de comunicação para fazer trade entre as bolsas de de valores de Tókio e Nova York, mas apesar de o modelo ter fracassado para grandes distâncias, se mostrou excelente para raios urbanos.
Por que neutrinos? Com os Tags de localização usando neutrinos, suas caixas podem ser guardadas em qualquer lugar, e conseguimos localizá-las mesmo que esteja no 5º subsolo de um prédio ou em um bunker anti nuclear, com os dados seguramente registrados em Block Chain. Assim, seguindo a filosofia do Looqbox, você sempre conseguirá encontrar o que precisa, de forma rápida e segura.



Acreditamos que nem era necessário o uso de tantas tecnologias para entrar no mercado, qualquer combinação de duas delas acima já seria incrível, mas com as três juntas seremos imbatíveis. O próximo passo é o teste da novidade em São Paulo. Seguindo o modelo Yellow, vamos iniciar por uma região, e expandir nossos serviços aos poucos, para aprimorar a logística e os nossos algoritmos.

E para o futuro? Quais as próximas evoluções? No mundo da tecnologia nunca podemos estar presos ao presente. Como disse Peter Drucker, "a melhor forma de prever o futuro é criá-lo". No momento já estamos estudando como podemos usar drones para facilitar a guarda e retirada de seus itens, mas enquanto isso não é realidade, a ideia é fazer uma parceria com a Rappi.

Estamos animados de ir além da consulta de dados corporativos no universo digital, e evoluir para o mundo de buscas físicas.

quarta-feira, 26 de dezembro de 2018

Inteligência Artificial & Looqbox no Google Launchpad

Em setembro de 2016, Daniel e eu fomos para o Vale do Silício a convite do Itaú. Entre diversos eventos a que tivemos acesso, fomos convidados para conhecer como funcionava o programa Launchpad do Google, no modo degustação. Para quem não conhece, o Google Launchpad é um programa (do Google, é obvio:) para aceleração de Startups, com foco principal em tecnologia. É uma imersão, na qual os organizadores entendem quais os principais desafio da Startup, e como o Google pode ajudá-los, trazendo especialistas nos assuntos em que a Startup quer evoluir.

Depois de conhecer o programa, tivemos algumas aplicações negadas, mas nunca deixamos de nos inscrever para as próximas turmas. Imaginávamos como seria legal ter contato direto com os engenheiros do Google, e poder fazer o pitch Looqbox do tipo "Google para empresas" para o próprio Google! Em 2016 ainda nem tínhamos time para enviar para o programa! Ainda estávamos com 4 pessoas no time todo do Looqbox.

Passados quase dois anos da nossa viagem ao Vale, dia 23 de agosto de 2018 finalmente recebemos o resultado da nossa aplicação, agora positivo! Conseguimos entrar na edição de São Paulo. Ficamos muito animados, e convidamos parte do nosso time de tecnologia para aproveitar a interação, que seria entre setembro e novembro do mesmo ano. Foram um total de 3 semanas intensivas, com intervalos entre elas para implementação do que foi aprendido. Tive o prazer de participar da abertura e de um dia voltado para um estudo de liderança.

Matheus, Jonathan, Daniel, Rodrigo e Wilder
Nosso desafio era como aproveitar mais do mundo de Machine Learning e Inteligência Artificial (IA) no Looqbox, usando as melhores práticas de mercado. O resultado superou nossas expectativas! Nas palavras de Matheus Tramontini (desenvolvedor Looqbox): "Participar do Launchpad foi uma experiência incrível pois pude entrar em contato com especialistas de diversas áreas que, além de aumentar minha expertise em certos temas, me ajudaram a ter uma visão diferente sobre as áreas de meu interesse! Além disso, a atmosfera descontraída nos permitiu criar networkings que ajudaram com dúvidas e a compartilhar histórias"

Como alguns sabem, o Looqbox trabalha com tecnologia de linguagem natural, onde interpretamos o que é perguntado pelos nossos usuários, para dar a melhor resposta possível. Antes do Launchpad, o Looqbox não entendia variações contextuais mais profundas de perguntas já implementadas, ou era capaz de corrigir sentenças mais complexas, como o Google faz. Por exemplo, se você perguntasse por: "folha de funcionários", ele não entenderia que "folha de colaboradores" é uma pergunta equivalente. Agora, com a nova tecnologia (que está saindo do forno em janeiro de 2019), esse tipo de interpretação também será compreendida.

Ficamos muito contentes com a oportunidade de ter participado do programa. É muito bom ver quando o que aprendemos sai do papel e cria algo real, que agrega valor ao Looqbox. E foi exatamente o que aconteceu no nosso contato com o Google. Aproveito para agradecer a todos os organizadores do programa, em especial Ivo Doria, Rodrigo Carraresi e Jose Papo, por todo apoio e zelo com quem fomos acolhidos.

segunda-feira, 12 de novembro de 2018

Looqbox na Folha de São Paulo


Essa não poderíamos deixar passar. Ontem saiu a primeira matéria envolvendo o Looqbox em um jornal de grande circulação (Folha de São Paulo). Na entrevista, nosso CTO e co-founder Daniel Murta fala sobre os desafios de gerenciar um time quando essa é a primeira experiência profissional do empreendedor, logo após sair da faculdade.



Daniel Murta - CTO e co-founder Looqbox
PS: uma pequena correção no artigo publicado pela Folha, o Looqbox iniciou seu desenvolvimento em outubro de 2013, mas seu lançamento ocorreu somente em janeiro de 2016. Para mais detalhes da nossa história, confira este post.

segunda-feira, 20 de agosto de 2018

Stephen Wolfram no Looqbox

Dia 7 de agosto de 2018 foi um dia especial para o Looqbox. Tivemos a honra de receber um convidado ilustre no Cubo: o físico, cientista da computação e empresário Stephen Wolfram. Para quem não o conhece (sim, ele é mais famoso no ecossistema nerd), Stephen é um gênio da física: recebeu seu doutorado no Caltech aos 20 anos de idade e criou uma linguagem de programação chamada Mathematica (ou Wolfram Language), que é utilizada em todas as grandes universidades americanas, em grandes centros de P&D, em grandes empresas e até na Nasa. Entre os amigos pessoais de Stephen Wolfram, encontram-se grandes personalidades, como Steve Jobs e Bill Gates. Uma curiosidade é que o próprio nome Mathematica foi uma sugestão do Steve Jobs (vide artigo).

Meu primeiro contato com o Mathematica foi durante minha graduação em Física, quanto utilizei a linguagem para simulações numéricas com buracos negros. Sempre fui fascinado com a elegância dessa linguagem e com a forma inteligente pela qual ela consegue manipular desde equações diferencias até imagens e dados. 

Mas qual a relação de Stephen Wolfram com o Looqbox e por que ele veio nos visitar em São Paulo?

Voltando um pouco no tempo, em 2012 participei pela primeira vez da Wolfram Technology Conference, em Champaign, Illinois. Para mim foi um paraíso de novas ideias. A densidade de pessoas inteligentes e interessantes por metro quadrado foi talvez a maior que eu já vi, concentradas em um evento de 3 dias. Conheci pessoas que usavam a linguagem Mathematica para os mais diversos fins, como: descobrir novas ligas de materiais, controlar drones, fazer simulações aerodinâmicas de estruturas de turbina de avião, analisar vídeos da Disney, criar padrões de desenhos para bordado. Não tive dúvida de que eu deveria retornar no ano seguinte, e retornei. 

Na edição de 2013 da Conferência participei como palestrante. Em minha apresentação mostrei como eu estava utilizando o Mathematica no varejo, no Grupo StMarche. Na área de inteligência de varejo do StMarche tínhamos mais de 50 algorítmicos processados pelo Mathematica que faziam diariamente cálculos e simulações relacionados ao negócio.


Em 2014, ao retornar pela terceira vez, tive uma grande surpresa. O uso daquela linguagem no varejo era um caso inédito para o Mathematica no mundo e, em consequência da minha iniciativa, eu recebi, direto das mãos de Stephen, o prêmio Wolfram Innovation Awards, que reconhece e celebra usos diferentes daquela linguagem pelo mundo.
Daniel, eu e Stephen Wolfram no Cubo novo

Em 2014 o Looqbox estava apenas engatinhando, e a inspiração no Wolfram Alpha tornou-se parte da nossa história. 

No começo deste mês de agosto, Stephen Wolfram estava no Rio de Janeiro para um Congresso de Matemática e interessou-se por visitar o Cubo e conhecer como o Looqbox tinha evoluído nesse tempo.


Receber Stephen Wolfram no Looqbox foi uma honra para nós. Daniel Murta e eu tivemos oportunidade de conversar com ele sobre vários assuntos, como o Machine Learning, o futuro do Wolfram Alpha, a evolução da tecnologia Looqbox e possíveis parcerias entre o Looqbox e o Mathematica. No final da visita ainda tivemos o privilégio de assistir, junto com nosso time e outros residentes do Cubo, a uma demonstração ao vivo, conduzida por Stephen Wolfram em pessoa, sobre as últimas novidades da sua linguagem.


Recebendo o prêmio de Stephen em 2014

Para quem tiver curiosidade de saber um pouco mais sobre Stephen Wolfram, deixo aqui o link do seu blog pessoal: http://blog.stephenwolfram.com/. 

Aproveito para agradecer ao Daniel Carvalho pela compatibilização das agendas, que tornou possível a vinda de Wolfram a São Paulo, e ao Flávio Pripas e Renata Zanuto, do Cubo, por se disporem a receber esse importante cientista e empresário, mesmo com o Cubo ainda fechado para eventos e em preparativos para a sua inauguração.