sábado, 16 de setembro de 2017

Looqbox no Shark Tank SAP Forum 2017

No início de agosto recebemos da equipe do Startup Focus SAP  um convite especial para fazer uma apresentação do Looqbox no SAP Forum 2017. Para quem não conhece, o SAP Forum Brasil é o maior evento de negócios e tecnologia da América Latina. Dura dois dias e tem como objetivo divulgar as novidades e tendências do mundo tech. Ficamos contentes com o convite e, ao mesmo tempo, um pouco apreensivos, pois não seria uma apresentação comum. Era para participar de uma edição especial do Shark Tank Brasil feito sob medida para o evento SAP.

Para quem não conhece, o Shark Tank é um programa internacional produzido pela Sony, no qual um grupo de investidores, denominados Sharks, assiste ao pitch de empreendedores interessados em captar investimento para turbinar suas soluções. Fazendo jus ao nome, os Sharks podem ser bem agressivos em suas críticas e propostas, cabendo ao empreendedor defender sua ideia e mostrar o valor e o potencial da sua solução. Se os Sharks gostarem, podem fazer proposta de participação na empresa e, se o empreendedor topar o que foi proposto, o deal é fechado na hora. Segue link com exemplo de um episódio do programa, para quem não o conhece.

Como toda startup, adoramos novidades e desafios, e aceitamos o convite para participar do quadro.
Foto dos Sharks
João Appolinário - Polishop // Cristiana Arcangeli - Beauty'in // Caito Maia - Chilli Beans // Robinson Shiba - China in Box

Na véspera da apresentação, logo após pegar algumas super dicas com minha amiga Maytê Carvalho, CEO da b.pass, que já participara do Shark Tank na TV, fui conhecer o palco do evento juntamente com o Camilo Telles, CEO da Antecipa. O espaço estava preparado para receber uma plateia de nada menos que 4.000 pessoas; outra grande plateia estaria assistindo por live stream. Para ilustrar bem as dimensões, segue foto do palco durante a apresentação do Camilo. Custei um pouco a dormir na véspera, repassando mentalmente meu pitch, empolgado com o que viria no dia seguinte. Como seria a interação com os Sharks? Seria a Looqbox devorada pelos tubarões? O que eles achariam da nossa solução? Algum deles teria interesse em investir?


Palco do Shark Tank no SAP Forum 2017

Rodrigo Murta - Looqbox // Bruno Franklin - SAP // Camilo Telles - Antecipa

Enfrentei um trânsito intenso de casa até o evento, e esqueci em casa meu crachá de palestrante, retirado na véspera,. Os organizadores me ligavam, preocupados, mas consegui chegar a tempo. Microfonia feita, era chegada a hora de subir ao palco. Por volta de 10:40 a Looqbox fora chamada com dizeres pomposos: "Agora convidamos para subir ao palco Rodrigo Murta, o empresário que está revolucionando a forma com que as empresas usam os seus dados no dia a dia". Frio na barriga e pitch na ponta da língua, subi ao palco e me coloquei diante dos Sharks para apresentar o Looqbox. Fiz o pitch em 3 minutos e abriu-se o espaço para o ataque dos Sharks. Todos muito dinâmicos e consistentes, perguntaram qual o público, mercado, faturamento, precificação, detalhes e diferenciais do produto. Defendi o Looqbox com unhas, dentes e arpões, e agora era chegado o grande momento do programa: teriam os Sharks interesse pelo Looqbox? Dariam lances para investir na solução?



Breve passagem do pitch Looqbox

Apresentando os fundadores da Looqbox
Daniel Murta e Rodrigo Murta

Um pequeno parênteses antes do clímax... Queria contar um pouco dos bastidores. No dia seguinte (que também foi especial, era aniversário do Cubo) amigos e clientes me perguntaram como funcionava o ensaio do Shark Tank. Acredito que o mais legal do programa é justamente isso: não tem ensaio! A interação foi autêntica e os questionamentos foram todos elaborados na hora. Os Sharks não conheciam o Looqbox, nem vice-versa. Acredito que aí está o sucesso do programa: o nervosismo, a tensão e as reações são naturais, e é isso que acaba por cativar e envolver o público.

Voltando ao fechamento, veio a grande surpresa, 100% dos Sharks tiveram interesse pela nossa solução e fizeram propostas para ter participação na Looqbox. Em poucos segundos tive que avaliar os lances e fazer alguma contra-proposta. Em resumo: a Cristiana Arcangeli propôs ajudar na expansão  internacional, o Caito queria focar no Brasil e ajudar com sua rede de lojas, o Apolinário propôs uma mordida maior de participação que os demais, e a Camila uma mordida igual à da Cris, mas com uma avaliação de POC de 6 meses. Como nossa ambição é global, aceitamos a proposta da Cris e fechamos negócio! Segue foto do momento ápice da apresentação, em que Cris e eu celebramos o fechamento do negócio.

Momento do fechamento de negócio com a Cristiana Arcangeli

Para nós foi surreal participar do programa e agradecemos imensamente ao time SAP, especialmente ao Bruno Franklin, pelo convite, à Sony pela super produção e pelo trabalho de divulgação do vocabulário empreendedor para o público em geral e, finalmente, aos Sharks pelo interesse e pelos ataques super construtivos. Virei fã do programa e, é claro, dos Sharks que depois nos receberam com carinho nos bastidores.

Rodrigo Murta e Caito Maia
-------
Uma nota importante: o propósito da apresentação promovida pela SAP não era captação de investimento, mas sim apresentar as startups ao público do Forum. Todos os números e dados que foram expostos na apresentação foram reais, mas os lances finais de investimento pelos Sharks eram uma simulação, e nenhum aporte por parte dos Sharks será realizado.