segunda-feira, 20 de agosto de 2018

Stephen Wolfram no Looqbox

Dia 7 de agosto de 2018 foi um dia especial para o Looqbox. Tivemos a honra de receber um convidado ilustre no Cubo: o físico, cientista da computação e empresário Stephen Wolfram. Para quem não o conhece (sim, ele é mais famoso no ecossistema nerd), Stephen é um gênio da física: recebeu seu doutorado no Caltech aos 20 anos de idade e criou uma linguagem de programação chamada Mathematica (ou Wolfram Language), que é utilizada em todas as grandes universidades americanas, em grandes centros de P&D, em grandes empresas e até na Nasa. Entre os amigos pessoais de Stephen Wolfram, encontram-se grandes personalidades, como Steve Jobs e Bill Gates. Uma curiosidade é que o próprio nome Mathematica foi uma sugestão do Steve Jobs (vide artigo).

Meu primeiro contato com o Mathematica foi durante minha graduação em Física, quanto utilizei a linguagem para simulações numéricas com buracos negros. Sempre fui fascinado com a elegância dessa linguagem e com a forma inteligente pela qual ela consegue manipular desde equações diferencias até imagens e dados. 

Mas qual a relação de Stephen Wolfram com o Looqbox e por que ele veio nos visitar em São Paulo?

Voltando um pouco no tempo, em 2012 participei pela primeira vez da Wolfram Technology Conference, em Champaign, Illinois. Para mim foi um paraíso de novas ideias. A densidade de pessoas inteligentes e interessantes por metro quadrado foi talvez a maior que eu já vi, concentradas em um evento de 3 dias. Conheci pessoas que usavam a linguagem Mathematica para os mais diversos fins, como: descobrir novas ligas de materiais, controlar drones, fazer simulações aerodinâmicas de estruturas de turbina de avião, analisar vídeos da Disney, criar padrões de desenhos para bordado. Não tive dúvida de que eu deveria retornar no ano seguinte, e retornei. 

Na edição de 2013 da Conferência participei como palestrante. Em minha apresentação mostrei como eu estava utilizando o Mathematica no varejo, no Grupo StMarche. Na área de inteligência de varejo do StMarche tínhamos mais de 50 algorítmicos processados pelo Mathematica que faziam diariamente cálculos e simulações relacionados ao negócio.


Em 2014, ao retornar pela terceira vez, tive uma grande surpresa. O uso daquela linguagem no varejo era um caso inédito para o Mathematica no mundo e, em consequência da minha iniciativa, eu recebi, direto das mãos de Stephen, o prêmio Wolfram Innovation Awards, que reconhece e celebra usos diferentes daquela linguagem pelo mundo.
Daniel, eu e Stephen Wolfram no Cubo novo

Em 2014 o Looqbox estava apenas engatinhando, e a inspiração no Wolfram Alpha tornou-se parte da nossa história. 

No começo deste mês de agosto, Stephen Wolfram estava no Rio de Janeiro para um Congresso de Matemática e interessou-se por visitar o Cubo e conhecer como o Looqbox tinha evoluído nesse tempo.


Receber Stephen Wolfram no Looqbox foi uma honra para nós. Daniel Murta e eu tivemos oportunidade de conversar com ele sobre vários assuntos, como o Machine Learning, o futuro do Wolfram Alpha, a evolução da tecnologia Looqbox e possíveis parcerias entre o Looqbox e o Mathematica. No final da visita ainda tivemos o privilégio de assistir, junto com nosso time e outros residentes do Cubo, a uma demonstração ao vivo, conduzida por Stephen Wolfram em pessoa, sobre as últimas novidades da sua linguagem.


Recebendo o prêmio de Stephen em 2014

Para quem tiver curiosidade de saber um pouco mais sobre Stephen Wolfram, deixo aqui o link do seu blog pessoal: http://blog.stephenwolfram.com/. 

Aproveito para agradecer ao Daniel Carvalho pela compatibilização das agendas, que tornou possível a vinda de Wolfram a São Paulo, e ao Flávio Pripas e Renata Zanuto, do Cubo, por se disporem a receber esse importante cientista e empresário, mesmo com o Cubo ainda fechado para eventos e em preparativos para a sua inauguração.

Um comentário: